A ÚNICA DESABITADA

A ilha de Santa Luzia é a única desabitada do país e por isso a pérola mais virgem das ilhas. Mas reza a história que chegou a acolher uma pequena comunidade agrícola no séc. XVIII, hoje entregue à natureza no seu estado puro.

Uma reserva natural que se estende ao longo de 35km2, e onde residem duas espécies endémicas de aves: Calhandra do Raso e Cagarra de Cabo Verde. Mas a sua costa marinha é muito rica e vasta em diferentes espécies, incluindo de
peixes e bancos de corais.

Santa Luzia é conhecida ainda pela grande actividade de baleias, golfinhos e de tartarugas. É comum pescadores pescarem junto à sua costa e pernoitarem na ilha.

Aqui só pode chegar mesmo de barco e com a devida autorização da Agência Marítimo Portuária de Cabo Verde. A riqueza de fauna e flora fazem com que Santa Luzia seja muito procurada para estudos e investigações científicas.